Sunday, 15 February 2009 21:00

Gaia, mais do que um ambiente limpo, um ambiente justo: perspectivas de gênero, meio ambiente e moradia em Porto Nacional, TO

Written by
Rate this item
(0 votes)

Gleys Ially Ramos dos Santos*

Temis Gomes Parente*

Este trabalho objetiva analisar as discussões dos problemas ambientais e suas implicações nas relações de gênero e moradia sobre questionamentos de significados dominantes a partir das representações do que é ser mulher, de moradia e ambiente sob a ótica de mulheres atingidas. Tomando como crivo um setor pobre e periférico do município de Porto Nacional, o Barreiro de Saibro, impactado pela formação do Lago Tocantins conseqüente à construção da UHE de Lageado. Nossa pesquisa iniciou com aplicação de questionários com o método de avaliação contingente objetivando saber a DAR (Disposição a Receber), isto é, a disposição mínima a receber de mulheres atingidas para abrir mão de suas moradias, analisando aí as variáveis ocupação profissional, renda, estado civil, nível escolar, situação de moradia, bem como o cenário em que estão inseridas avaliando a situação de perda ou ganho através variação compensatória e equivalente. Finalizamos como o método de História Oral, para perceber quais as perspectivas dessas mulheres quanto ao futuro e o que elas realmente deixam para trás além de seu espaço e suas casas. Fizemos também uma pequena oficina/palestra desenvolvendo os temas do trabalho: gênero, ambiente e moradia com as mulheres entrevistadas neste trabalho, a pedido das próprias moradoras do setor.

Clique aqui e confira o artigo científico.

*Geógrafa – Mestranda em Desenvolvimento Regional e Agronegócio/UFT. E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
**Drª em História – Professora do Mestrado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio/UFT.

Read 366 times Last modified on Saturday, 30 May 2015 13:56

Apoio